Início dos atalhos. Fim dos atalhos.
Início do topo.
Fim do topo.

Premiação Respostas para o amanhã

Início do conteúdo.

Como os projetos são avaliados?

Prezado(a) professor(a), os projetos inscritos serão analisados com foco no alinhamento e desenvolvimento na abordagem STEM (Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática) e na proposição de ideias criativas e/ou inovadoras.

Os projetos com abordagem STEM apresentam propostas em que as Ciências dialogam com Tecnologia, Engenharia e Matemática, em busca de soluções para determinado desafio ou problema. Para isso, lança mão da investigação científica, do pensamento crítico e da metodologia científica que demonstrem relevância científica e/ou tecnológica, caráter de criatividade e/ou de inovação.

Quais são as categorias de Avaliação?

As categorias de avaliação são apresentadas de acordo com as etapas de seleção dos projetos. Para cada uma das seis categorias destacamos o principal foco de análise e exemplos de projetos que já foram reconhecidos em edições anteriores. Cabe ressaltar que esses projetos apresentam diferenciais em mais de uma categoria, além do foco aqui indicado. Para saber mais sobre os projetos, assista aos vídeos.

1ª Etapa - Seleção dos projetos semifinalistas

Para a seleção dos 20 projetos semifinalistas são considerados os seguintes critérios de avaliação:

1. Alinhamento com a abordagem STEM seta

Foco da análise

Espera-se que o projeto proponha soluções ou protótipos de acordo com os pressupostos da abordagem STEM, que se caracterizam por:
- Integração entre as áreas das Ciências da Natureza, Tecnologias, Engenharias e Matemática;
- Potencial investigativo;
- Foco na resolução de problemas reais com múltiplas possibilidades de solução;
- Aproximação das diferentes áreas da abordagem à realidade investigada;
- Desenvolvimento científico e tecnológico;
- Proposta centrada no estudante;
- Trabalho em grupo.

Exemplo 1

No projeto “DesPóluir”, Vencedor Nacional no ano de 2017, os estudantes identificaram a dispersão de material particulado (minério de ferro e carvão) durante o transporte das matérias-primas. Este material particulado provoca problemas de saúde e a poluição do meio ambiente, afetando a qualidade de vida dos moradores da região. A solução encontrada pelos estudantes foi o desenvolvimento de supressores de poeira à base de polímeros sustentáveis que, ao serem aplicados no minério durante o transporte, experimentalmente, se mostraram eficientes para reduzir a emissão do material particulado. Este projeto apresenta alinhamento com a abordagem STEM, pois apresenta:
- integração das diferentes áreas das Ciências da Natureza, da Matemática e das Engenharias;
- potencial investigativo a ser desenvolvido;
- foco na resolução de problemas reais;
- trabalho centrado nos estudantes etc.

Exemplo 2

No projeto “Sistema de irrigação automatizado empregando sensor de umidade reaproveitando água descartada de condicionadores de ar e fabricação de tijolos de poliestireno e gesso para uso em canteiro de hortaliças”, ganhador da Menção Honrosa no ano de 2016, partiu da identificação de duas situações-problema: o desperdício da água descartada pelos aparelhos de ar condicionado da escola e a falta de destinação adequada para o isopor, resíduo sólido de difícil decomposição. A proposta de solução desenvolvida pelos estudantes consiste no aproveitamento da água gerada pelos aparelhos de ar condicionado para irrigação automatizada de uma horta horizontal e a confecção de tijolos reutilizando isopor, juntamente com o gesso e a água, a serem utilizados na construção dos canteiros de hortaliças. Este projeto apresenta alinhamento com a abordagem STEM, pois apresenta:
- integração das diferentes áreas das Ciências da Natureza, da Matemática e das Engenharias que possibilitou automatizar a irrigação da horta;
- foco na resolução de problemas reais;
- desenvolvimento científico e tecnológico, trabalho centrado nos estudantes etc.

Quer saber mais?

Para saber mais sobre os projetos assista aos vídeos

DesPóluir

Projeto Sistema de Irrigação automatizado empregando sensor de umidade reaproveitando água descartada de condicionadores de ar e fabricação de tijolos de poliestireno e gesso para uso em canteiro de hortaliças

2. Relevância científica e/ou tecnológica seta

Foco da análise

Espera-se que o projeto apresente relevância científica e/ou tecnológica frente à situação-problema identificada.

Exemplo 1

O projeto “Ecofiltro: carvão ativado do pecíolo da folha da carnaúba (Copernica prunifera sp) para o tratamento d’água da nossa região”, Vencedor Nacional pelo Júri Popular de 2014, propõe uma nova tecnologia para a realização da filtragem de águas contaminadas. Esse projeto se destaca por sua relevância científica e/ou tecnológica frente à situação-problema identificada, pois aborda um problema local e ao mesmo tempo de grande relevância no contexto nacional, tendo em vista que a temática da contaminação de água para o consumo está presente em grande parte dos municípios brasileiros com uma proposta de solução criativa, inovadora e socialmente relevante.

Exemplo 2

O projeto “Avaliação do efeito larvicida do líquido da castanha de caju em mosquitos hematófagos”, Vencedor Nacional em 2018, partiu da observação da presença alarmante dos mosquitos, como o Aedes aegypti, que transmitem doenças tropicais virais, tornando-se um grande problema de saúde pública no Brasil. Como forma de contribuir com soluções a esse problema, os estudantes desenvolveram um larvicida natural tendo como base o líquido da castanha de caju. Os resultados impressionam pela letalidade das larvas quando expostas ao composto investigativo. Esse projeto se destaca por sua relevância científica e/ou tecnológica frente à situação-problema identificada, pois tem o potencial de contribuir com soluções para um problema emergente vivenciado pela sociedade brasileira.

Quer saber mais?

Para saber mais sobre os projetos assista aos vídeos

Ecofiltro: carvão ativado do pecíolo da folha da carnaúba (Copernica prunifera) para o tratamento d’água da nossa região

Avaliação do efeito larvicida do líquido da castanha de caju em mosquitos hematófagos

3. Viabilidade de desenvolvimento seta

Foco da análise

Espera-se que a execução do projeto pelos estudantes seja viável, por meio dos recursos apresentados pela escola, bem como as possibilidades de parceria e o tempo para sua realização.

Exemplo 1

No projeto “Produção de pescado consorciada à hidroponia e energia solar no quilombo”, Vencedor Nacional em 2015, os estudantes observaram a escassez de alimentos em uma comunidade quilombola na região na qual se situa a escola. Decidiram, então, desenvolver um sistema fechado de tanques para criação de peixes aliado à hidroponia, uma tecnologia para a produção de pescado articulada à produção de verduras, com uso da energia solar em todo o processo. Nesta proposta de solução desenvolvida pelos estudantes, a viabilidade de desenvolvimento do projeto é evidenciada por apresentar:
- condições de ser desenvolvido pelos estudantes;
- possibilidades reais de execução por meio dos recursos disponíveis na escola e:
- apresentar coerência com o cronograma proposto.

Exemplo 2

No projeto “Tecnologia assistiva: construção de tecnologias educacionais táteis por prototipagem 3D para jovens e adultos cegos e de baixa visão”, vencedor pelo Júri Popular em 2018, os estudantes identificaram a escassez de tecnologias educacionais voltadas para o público com deficiência visual (cegos ou com baixa visão). Assim, decidiram desenvolver produtos educacionais por meio de modelagem/impressão em 3D contribuindo para melhoria da qualidade de vida desse público, bem como favorecer o seu acesso à educação.
A viabilidade de desenvolvimento do projeto é evidenciada por apresentar:
- condições de ser desenvolvido pelos estudantes;
- possibilidades reais de execução por meio dos recursos disponíveis na escola;
- executar o projeto considerando o cronograma proposto.

Quer saber mais?

Para saber mais sobre os projetos assista aos vídeos

Produção de pescado consorciada à hidroponia e energia solar no quilombo

Tecnologia assistiva: construção de tecnologias educacionais táteis por prototipagem 3D para jovens e adultos cegos e de baixa visão

4. Metodologia científica seta

Foco da análise

Espera-se que o projeto descreva em detalhes a metodologia e os procedimentos científicos realizados, respeitando os pressupostos das Ciências da Natureza e da Matemática.

Exemplo 1

No projeto “Avaliação da atividade da Moringa oleífera no tratamento da água na zona rural”, Grande Vencedor de 2015, os estudantes buscaram e encontraram nessa espécie vegetal uma proposta de solução natural, eficiente e com baixo custo para o tratamento da água. Esse projeto se destaca pela metodologia científica adotada, pois apresenta coerência entre a situação problema, o método e a solução desenvolvida. É possível acompanhar claramente todas as etapas realizadas pelos estudantes desde a identificação da situação-problema, os procedimentos experimentais e os resultados alcançados. Apresenta com clareza as etapas da metodologia científica (observação contexto, proposição de questão(ões) investigativa(s), formulação de hipótese(s), testes, experimentos, análise de dados, resultados e conclusões.

Exemplo 2

No projeto “Reflexologia experimental de Cenchrus echinatus e Jatropha gossypiifolia” no desenvolvimento de culturas-alvo da agricultura familiar, Vencedor Nacional no ano de 2018, os estudantes investigaram alternativas para melhorar a produção agrícola das famílias da comunidade por meio da criação de um bioestimulador de baixo custo extraído do extrato de plantas (carrapicho e pinhão roxo) amplamente disponíveis na região. Esse projeto se destaca pela metodologia científica realizada, pois apresenta com clareza e detalhes os procedimentos investigativos realizados, incluindo a revisão bibliográfica realizada, a elaboração do projeto, os procedimentos realizados em campo, os experimentos realizados e os resultados significativos encontrados. Valer a pena conferir!

Quer saber mais?

Para saber mais sobre os projetos assista aos vídeo

Avaliação da atividade da Moringa oleifera no tratamento da água na zona rural

Reflexologia Experimental de Cenchrus echinatus e Jatropha gossypiifolia no desenvolvimento de culturas-alvo da agricultura familiar

5. Colaboração entre integrantes da equipe seta

Foco da análise

Espera-se que o desenvolvimento do projeto estimule o trabalho integrado, ativo, e colaborativo entre os participantes do projeto.

Exemplo 1

Casca de arroz e tratamento de água: uma combinação possível? O projeto "BCA: biossorvente da casca de arroz para remoção de metais da água de poço do litoral norte gaúcho" se lançou a responder essa questão e foi Vencedor Nacional em 2018. A casca de arroz é um resíduo do beneficiamento do arroz. Dada sua vasta disponibilidade na região, os estudantes questionaram: “É possível utilizar a casca de arroz quimicamente ativada para realizar o tratamento de água na cidade de Osório? ” Por meio da investigação realizada pelos estudantes, verificou-se que as cascas de arroz ativadas têm resultados positivos, podendo ser utilizadas como um biossorvente. Com base nos resultados encontrados, é possível desenvolver um filtro capaz de separar ferro e manganês. O projeto se destaca pela colaboração entre os integrantes da equipe em todas as etapas da investigação, pois foi realizado de forma ativa, integrada e propositiva pela equipe com foco na resolução da situação-problema identificada.

Exemplo 2

No projeto “Utilização de Games para Práticas de Educação Ambiental”, vencedor nacional e menção honrosa no ano de 2014, os estudantes se debruçaram sobre o desafio de programar um jogo para ser utilizado como ferramenta de educação ambiental. Para cumprir a tarefa, a turma de estudantes, com idade entre 14 e 16 anos, escolheram um tema relacionado à uma dificuldade vivida pela comunidade: a coleta seletiva de materiais recicláveis. Este projeto evidencia o desenvolvimento do projeto de forma colaborativa, integrada e ativa entre os integrantes da equipe com um objetivo comum: programar o game a fim de contribuir com a melhoria das práticas perpetradas na comunidade.

Quer saber mais?

Para saber mais sobre os projetos assista aos vídeos

BCA: biossorvente da casca de arroz para remoção de metais da água de poço do litoral norte gaúcho

Utilização de Games para Práticas de Educação Ambiental

6. Caráter de criatividade e/ou inovação seta

Foco da análise

Espera-se que o projeto apresente criatividade e/ou inovação em sua proposta, seus procedimentos e/ou resultados/soluções/produtos frente à situação investigada e à equipe proponente.

Exemplo 1

Reciclagem e acessibilidade, que bela mistura! No projeto “EQUILÍBRIO - para uma inclusão sustentável e um meio ambiente melhor”, Grande Vencedor de 2014, os estudantes identificaram que o acúmulo de lixo eletrônico sem descarte adequado e a dificuldade de locomoção de pessoas com deficiência visual e física eram problemas que precisavam de solução urgente. Fundamentado nas Ciências Naturais e na Matemática a ideia virou uma solução criativa e inovadora com potencial de beneficiar as pessoas com deficiência visual e contribuir com a transformação de lixo eletrônico em tecnologia em prol da melhoria da qualidade de vida das pessoas.

Exemplo 2

Vamos cuidar bem da nossa água? No projeto “CONSUSTIME: ferramenta interativa na gestão eficiente do uso da água”, Vencedor Nacional em 2017, os estudantes observaram que, apesar de existir uma grande preocupação com a disponibilidade de água potável, há uma cultura de desperdício, além da ineficiência no uso da água. Como forma de contribuir para resolver a situação-problema identificada, os estudantes criaram um aplicativo: o CONSUSTIME “consumo no tempo certo”, que possui a função de acompanhar, mensurar e controlar o consumo de água nas residências; e um chuveiro inteligente capaz de monitorar o consumo de água e determinar o tempo máximo de banho. O projeto se destaca pela sua criatividade e inovação frente a situação investigada, pela tecnologia desenvolvida, e pelo potencial de impacto tecnológico, ambiental e social positivos.

Quer saber mais?

Para saber mais sobre os projetos assista aos vídeo

EQUILÍBRIO - para uma inclusão sustentável e um meio ambiente melhor”

CONSUSTIME: ferramenta interativa na gestão eficiente do uso da água

2ª etapa – Seleção dos projetos finalistas

Para a seleção dos 10 projetos finalistas serão adotados os seguintes critérios de avaliação:

1. Habilidades mobilizadas seta

Foco da análise

Espera-se que o projeto, diante da construção do conhecimento, favoreça o desenvolvimento de habilidades científicas e/ou investigativas dos estudantes.

Exemplo 1

No projeto Rhizoflorando o mangue, vencedor pelo Júri Popular em 2018, os estudantes se propuseram a investigar alternativas de extração da casca da Rizhophora mangle (mangue vermelho) para a preservação do ecossistema local a fim de viabilizar a atividade econômica de comunidades tradicionais. Os estudantes estiveram plenamente envolvidos em todas as etapas do projeto, aprimorando suas habilidades investigativas e mobilizadoras. Na pesquisa e desenvolvimento da proposta fica evidente o aspecto investigativo científico e a articulação com os vários atores envolvidos.

Exemplo 2

O projeto Levantamento do uso de plantas medicinais do cerrado no município de Portelândia (GO): cerrado, um bioma que cuida da gente se destacou pelo processo investigativo realizado pelos estudantes.
Preocupados com a degradação do bioma Cerrado, os alunos foram a campo e identificaram o potencial medicinal de várias espécies vegetais do Cerrado. Realizaram pesquisas que resultaram no mapeamento e catalogação das espécies locais, além da construção e disponibilização de um horto para a comunidade, utilizando técnicas científicas. A participação e o envolvimento dos alunos em todas as etapas de realização do projeto, bem como o reconhecimento do território tanto no aspecto da flora local, bem como do valor dos saberes tradicionais tem o poder de ressignificar as relações dos participantes com os espaços e pessoas da comunidade, e as formas de apropriação do ambiente.

Quer saber mais?

Para saber mais sobre os projetos assista aos vídeos

Rhizoflorando o mangue

Levantamento do uso de plantas medicinais do cerrado no município de Portelândia (GO): cerrado, um bioma que cuida da gente

2. Relevância científica e/ou tecnológica seta

Foco da análise

Espera-se que o projeto apresente relevância científica e/ou tecnológica frente à situação-problema identificada.

Exemplo 1

O projeto “Ecofiltro: carvão ativado do pecíolo da folha da carnaúba (Copernica prunifera sp) para o tratamento d’água da nossa região”, Vencedor Nacional pelo Júri Popular de 2014, propõe uma nova tecnologia para a realização da filtragem de águas contaminadas. Esse projeto se destaca por sua relevância científica e/ou tecnológica frente à situação-problema identificada, pois aborda um problema local e ao mesmo tempo de grande relevância no contexto nacional, tendo em vista que a temática da contaminação de água para o consumo está presente em grande parte dos municípios brasileiros com uma proposta de solução criativa, inovadora e socialmente relevante.

Exemplo 2

O projeto “Avaliação do efeito larvicida do líquido da castanha de caju em mosquitos hematófagos”, Vencedor Nacional em 2018, partiu da observação da presença alarmante dos mosquitos, como o Aedes aegypti, que transmitem doenças tropicais virais, tornando-se um grande problema de saúde pública no Brasil. Como forma de contribuir com soluções a esse problema, os estudantes desenvolveram um larvicida natural tendo como base o líquido da castanha de caju. Os resultados impressionam pela letalidade das larvas quando expostas ao composto investigativo. Esse projeto se destaca por sua relevância científica e/ou tecnológica frente à situação-problema identificada, pois tem o potencial de contribuir com soluções para um problema emergente vivenciado pela sociedade brasileira.

Quer saber mais?

Para saber mais sobre os projetos assista aos vídeos

Ecofiltro: carvão ativado do pecíolo da folha da carnaúba (Copernica prunifera) para o tratamento d’água da nossa região

Avaliação do efeito larvicida do líquido da castanha de caju em mosquitos hematófagos

3. Viabilidade de desenvolvimento seta

Foco da análise

Espera-se que a execução do projeto pelos estudantes seja viável, por meio dos recursos apresentados pela escola, bem como as possibilidades de parceria e o tempo para sua realização.

Exemplo 1

No projeto “Produção de pescado consorciada à hidroponia e energia solar no quilombo”, Vencedor Nacional em 2015, os estudantes observaram a escassez de alimentos em uma comunidade quilombola na região na qual se situa a escola. Decidiram, então, desenvolver um sistema fechado de tanques para criação de peixes aliado à hidroponia, uma tecnologia para a produção de pescado articulada à produção de verduras, com uso da energia solar em todo o processo. Nesta proposta de solução desenvolvida pelos estudantes, a viabilidade de desenvolvimento do projeto é evidenciada por apresentar:
- condições de ser desenvolvido pelos estudantes;
- possibilidades reais de execução por meio dos recursos disponíveis na escola e:
- apresentar coerência com o cronograma proposto.

Exemplo 2

No projeto “Tecnologia assistiva: construção de tecnologias educacionais táteis por prototipagem 3D para jovens e adultos cegos e de baixa visão”, vencedor pelo Júri Popular em 2018, os estudantes identificaram a escassez de tecnologias educacionais voltadas para o público com deficiência visual (cegos ou com baixa visão). Assim, decidiram desenvolver produtos educacionais por meio de modelagem/impressão em 3D contribuindo para melhoria da qualidade de vida desse público, bem como favorecer o seu acesso à educação.
A viabilidade de desenvolvimento do projeto é evidenciada por apresentar:
- condições de ser desenvolvido pelos estudantes;
- possibilidades reais de execução por meio dos recursos disponíveis na escola;
- executar o projeto considerando o cronograma proposto.

Quer saber mais?

Para saber mais sobre os projetos assista aos vídeos

Produção de pescado consorciada à hidroponia e energia solar no quilombo

Tecnologia assistiva: construção de tecnologias educacionais táteis por prototipagem 3D para jovens e adultos cegos e de baixa visão

4. Metodologia científica seta

Foco da análise

Espera-se que o projeto descreva em detalhes a metodologia e os procedimentos científicos realizados, respeitando os pressupostos das Ciências da Natureza e da Matemática.

Exemplo 1

No projeto “Avaliação da atividade da Moringa oleífera no tratamento da água na zona rural”, Grande Vencedor de 2015, os estudantes buscaram e encontraram nessa espécie vegetal uma proposta de solução natural, eficiente e com baixo custo para o tratamento da água. Esse projeto se destaca pela metodologia científica adotada, pois apresenta coerência entre a situação problema, o método e a solução desenvolvida. É possível acompanhar claramente todas as etapas realizadas pelos estudantes desde a identificação da situação-problema, os procedimentos experimentais e os resultados alcançados. Apresenta com clareza as etapas da metodologia científica (observação contexto, proposição de questão(ões) investigativa(s), formulação de hipótese(s), testes, experimentos, análise de dados, resultados e conclusões.

Exemplo 2

No projeto “Reflexologia experimental de Cenchrus echinatus e Jatropha gossypiifolia” no desenvolvimento de culturas-alvo da agricultura familiar, Vencedor Nacional no ano de 2018, os estudantes investigaram alternativas para melhorar a produção agrícola das famílias da comunidade por meio da criação de um bioestimulador de baixo custo extraído do extrato de plantas (carrapicho e pinhão roxo) amplamente disponíveis na região. Esse projeto se destaca pela metodologia científica realizada, pois apresenta com clareza e detalhes os procedimentos investigativos realizados, incluindo a revisão bibliográfica realizada, a elaboração do projeto, os procedimentos realizados em campo, os experimentos realizados e os resultados significativos encontrados. Valer a pena conferir!

Quer saber mais?

Para saber mais sobre os projetos assista aos vídeo

Avaliação da atividade da Moringa oleifera no tratamento da água na zona rural

Reflexologia Experimental de Cenchrus echinatus e Jatropha gossypiifolia no desenvolvimento de culturas-alvo da agricultura familiar

5. Colaboração entre integrantes da equipe seta

Foco da análise

Espera-se que o desenvolvimento do projeto estimule o trabalho integrado, ativo, e colaborativo entre os participantes do projeto.

Exemplo 1

Casca de arroz e tratamento de água: uma combinação possível? O projeto "BCA: biossorvente da casca de arroz para remoção de metais da água de poço do litoral norte gaúcho" se lançou a responder essa questão e foi Vencedor Nacional em 2018. A casca de arroz é um resíduo do beneficiamento do arroz. Dada sua vasta disponibilidade na região, os estudantes questionaram: “É possível utilizar a casca de arroz quimicamente ativada para realizar o tratamento de água na cidade de Osório? ” Por meio da investigação realizada pelos estudantes, verificou-se que as cascas de arroz ativadas têm resultados positivos, podendo ser utilizadas como um biossorvente. Com base nos resultados encontrados, é possível desenvolver um filtro capaz de separar ferro e manganês. O projeto se destaca pela colaboração entre os integrantes da equipe em todas as etapas da investigação, pois foi realizado de forma ativa, integrada e propositiva pela equipe com foco na resolução da situação-problema identificada.

Exemplo 2

No projeto “Utilização de Games para Práticas de Educação Ambiental”, vencedor nacional e menção honrosa no ano de 2014, os estudantes se debruçaram sobre o desafio de programar um jogo para ser utilizado como ferramenta de educação ambiental. Para cumprir a tarefa, a turma de estudantes, com idade entre 14 e 16 anos, escolheram um tema relacionado à uma dificuldade vivida pela comunidade: a coleta seletiva de materiais recicláveis. Este projeto evidencia o desenvolvimento do projeto de forma colaborativa, integrada e ativa entre os integrantes da equipe com um objetivo comum: programar o game a fim de contribuir com a melhoria das práticas perpetradas na comunidade.

Quer saber mais?

Para saber mais sobre os projetos assista aos vídeos

BCA: biossorvente da casca de arroz para remoção de metais da água de poço do litoral norte gaúcho

Utilização de Games para Práticas de Educação Ambiental

6. Caráter de criatividade e/ou inovação seta

Foco da análise

Espera-se que o projeto apresente criatividade e/ou inovação em sua proposta, seus procedimentos e/ou resultados/soluções/produtos frente à situação investigada e à equipe proponente.

Exemplo 1

Reciclagem e acessibilidade, que bela mistura! No projeto “EQUILÍBRIO - para uma inclusão sustentável e um meio ambiente melhor”, Grande Vencedor de 2014, os estudantes identificaram que o acúmulo de lixo eletrônico sem descarte adequado e a dificuldade de locomoção de pessoas com deficiência visual e física eram problemas que precisavam de solução urgente. Fundamentado nas Ciências Naturais e na Matemática a ideia virou uma solução criativa e inovadora com potencial de beneficiar as pessoas com deficiência visual e contribuir com a transformação de lixo eletrônico em tecnologia em prol da melhoria da qualidade de vida das pessoas.

Exemplo 2

Vamos cuidar bem da nossa água? No projeto “CONSUSTIME: ferramenta interativa na gestão eficiente do uso da água”, Vencedor Nacional em 2017, os estudantes observaram que, apesar de existir uma grande preocupação com a disponibilidade de água potável, há uma cultura de desperdício, além da ineficiência no uso da água. Como forma de contribuir para resolver a situação-problema identificada, os estudantes criaram um aplicativo: o CONSUSTIME “consumo no tempo certo”, que possui a função de acompanhar, mensurar e controlar o consumo de água nas residências; e um chuveiro inteligente capaz de monitorar o consumo de água e determinar o tempo máximo de banho. O projeto se destaca pela sua criatividade e inovação frente a situação investigada, pela tecnologia desenvolvida, e pelo potencial de impacto tecnológico, ambiental e social positivos.

Quer saber mais?

Para saber mais sobre os projetos assista aos vídeo

EQUILÍBRIO - para uma inclusão sustentável e um meio ambiente melhor”

CONSUSTIME: ferramenta interativa na gestão eficiente do uso da água

3ª etapa - Seleção dos projetos vencedores pelo júri popular e dos vencedores nacionais

A seleção dos 3 (três) projetos vencedores nacionais e a dos 3 (três) projetos vencedores pelo júri popular ocorrerão simultaneamente. Nesta etapa, o público irá votar, por meio deste Portal, de forma a escolher os 3 (três) melhores vídeos, que podem ser originários de qualquer região.

Seleção dos vencedores nacionais

A seleção dos 3 projetos vencedores nacionais deverá considerar a relevância científica e/ou tecnológica como o critério norteador, focando na solução proposta ou o produto desenvolvido, independentemente de sua abrangência num contexto local ou global. A seleção será realizada por uma Comissão Julgadora, composta por especialistas nas temáticas fundantes do Prêmio.

Uma vez definidos os três vencedores nacionais, haverá indicação de classificação de 1º, 2º e 3º lugar a partir dos critérios:
Terceiro lugar: Potencial transformador frente ao problema
O projeto deve apresentar capacidade de transformar um problema em solução.
Segundo lugar: Aplicabilidade do produto
O projeto desenvolvido pelos estudantes deve apresentar aplicação dos conhecimentos científicos para o desenvolvimento do produto e/ou solução a que se propôs. O projeto deve apresentar respostas viáveis e aplicáveis à situação proposta diante da realidade analisada e dos recursos acessados para a sua execução.
Primeiro lugar: Caráter de criatividade e inovação
O projeto deve apresentar respostas e/ou aprimoramento de soluções existentes com características de criatividade e de inovação. A solução, o produto e/ou o resultado apresentado devem se destacar neste critério.
Fim do conteudo